alta cultura

na faixa

O que é preciso para viver

O longa “O que é preciso para viver”, do diretor Benoît Pilon, será exibido na mostra “O Cinema de Québec” que inclui filmes das décadas de 1960, 1970 e, sobretudo, dos anos 2000. Em 1952, um caçador inuit contrai a tuberculose e deixa sua família para ir a um hospital de Québec. O índio esquimó não fala uma palavra em francês e procura fugir deste lugar onde nada lhe é familiar. Recusa-se a comer e tudo o que deseja é a morte. No entanto, uma dedicada enfermeira o transfere para outro hospital, onde há uma criança inuit órfã, que passa a ser sua intérprete. Com: Denis Bernard, Antoine Bertrand, Natar Ungalaaq, Éveline Gélinas

serviço

o quê: O que é preciso para viver (Canadá, 2008, cor, 102 minutos)
quando: 30 de junho, às 19h
onde: Cinusp
endereço:Rua do Anfiteatro, 181, Colmeia (Favo 04) – Cidade Universitária
telefone:(11)3091-3540
entrada: gratuita
informação:www.usp.br/cinusp

30/06/2010 Posted by | cinema | , , , , , , , | Deixe um comentário