alta cultura

na faixa

Retrato de uma fronteira intermitente

A partir do texto “Intermitências da Morte” do escritor José Saramago e da obra “Os Amantes” do pintor René Magritte, o duo propõe uma intervenção que vai se desenvolvendo e ocupando os espaços aos poucos, levando o público a um deslocamento e a um estranhamento dos corpos e do espaço. Com Amanda Correa e Cida Sena.

serviço

o quê: Retrato de uma fronteira intermitente
quando: 7 e 8 de março, às 14h
onde: Sesc Santo Amaro – Convivência
endereço: rua Amador Bueno, 505 – Santo Amaro
telefone: (11) 5541.4000
ingressos: gratuito
Classificação: livre
informação: www.sescsp.org.br

07/04/2012 Posted by | teatro | , , , , , , , , , | Deixe um comentário