alta cultura

na faixa

Nelson na Televisão – O maldito do horário nobre

Nelson Rodrigues teve atuação marcante na televisão brasileira. Apresentou mesas de debates futebolísticos, concedeu entrevistas memoráveis e teve vários programas sobre atualidades. Irreverente, em A Cabra Vadia, contracenava com uma cabra que pastava no campo. Nelson escreveu três novelas para a poderosa TV Rio, todas fizeram sucesso, embora a censura não lhe desse trégua. Para relembrar as proezas desse adorável maldito do horário nobre, estarão presentes ao debate ícones da televisão brasileira: Fernanda Montenegro e Daniel Filho, além do curador da projeto Nelson Rodrigues 100 Anos, Ruy Castro. Fonte: SESI

serviço

o quê: Nelson na Televisão – O maldito do horário nobre (70 min)
quando: 15 de agosto, às 20h30
onde: Teatro do SESI
endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
entrada: gratuita
telefone: (11) 3146.7405
classificação: 12 anos
informação:www.sesisp.org.br/

15/08/2012 Posted by | debate | , , , , , , , , | Deixe um comentário

O Casamento Suspeitoso

A obra “O Casamento Suspeitoso” do consagrado dramaturgo, romancista e poeta brasileiro Ariano Suassuna, estreia sob direção do premiado Sérgio Ferrara. O texto escrito há mais de 50 anos traz o universo nordestino. A peça é uma comédia de costumes e o velho casamento por dinheiro é o fio condutor da trama. O casal é Geraldo e Lúcia. Ela, uma moça vinda da capital de Recife, deseja se casar o mais rápido possível com o filho único de uma rica família. Ele está preste a receber uma gorda herança e nem desconfia que a sua noiva é uma trambiqueira, acompanhada da mãe Susana e seu amante Roberto Flávio. A atitude da jovem casamenteira desperta dúvidas em amigos e familiares do rapaz apaixonado, e a mãe do rapaz, Dona Guida, desconfiando da índole da moça, faz tudo para acabar com o enlace. Os empregados da família, Cancão e Gaspar, também se envolvem na história para tirar vantagem da situação. Personagens se passam por outros, tramóias planejadas, cenas absurdas e engraçadas recheiam a trama. Com: Marco Antônio Pâmio, Rogério Brito, Bete Dorgam, Nicolas Trevijano, Suzana Alves, Nani de Oliveira, Joaz Campos, Abraão Farc, Sonia Maria, José Rosa, João Paulo Soran e Breno Amparo.

serviço

o quê: O Casamento Suspeitoso (80 minutos)
quando: até 4 de dezembro, às 20h
onde: Centro Cultural Fiesp- Teatro do Sesi (456 lugares)
endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
entrada: gratuito apenas nas quintas e sextas. Retirar ingressos das 12h às 20h
telefone: (11) 3146.7405
classificação: 14 anos
informação:www.sesisp.org.br/

06/10/2011 Posted by | teatro | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Avalon é estrelada por Lucélia Santos

Dois anos longe dos palcos, a atriz Lucélia Santos volta à cena com a peça Avalon, dirigida por Karen Acioly, inspirada na saga do Rei Arthur. O espetáculo aborda as histórias e personagens femininos da lenda arturiana. Livremente inspirada em As Brumas de Avalon, obra da escritora estadunidense Marion Zimmer Bradley, a montagem apresenta a lenda arturiana a partir da perspectiva feminina. Quem protagoniza a história, nesta versão, são as Mulheres. O espetáculo evoca uma Bretanha que é ao mesmo tempo real e lendária – desde as suas desesperadas guerras pela sobrevivência contra a invasão saxônica até as tragédias que acompanham Artur até a sua morte e o fim da influência mítica por ele representada, através da sua espada “Excalibur”. A sobreposição de imagens, reforçam os momentos marcantes da trajetória do Rei Arthur. Com: Lucélia Santos, Ando Camargo, Ana Elisa, Caio Paduan, Carol Leiderfarb, Greg Rehavia, Henrique Guimarães, Kiko Pissolato, Luiz Amorim, Martha Meola, Pedro Inoue, Renata Guida e Sabrina Petraglia.

serviço

o quê: Avalon (60 min)
quando: até 26 de junho, sábados e domingos, às 16h
onde: Centro Cultural Fiesp- Teatro do Sesi (456 lugares)
endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
entrada: gratuita. Distribuição de ingressos sábado, das 12h às 20h30, e domingo, das 11h às 20h.
telefone: (11) 3146.7405
classificação: 10 anos
informação:www.sesisp.org.br/

23/04/2011 Posted by | teatro | , , , , , , | 2 Comentários

Menecma

O roteirista Bráulio Mantovani (Tropa de Elite e Cidade de Deus ) estreia no teatro, curiosamente, com Menecma, texto escrito há quase 20 anos, bem antes do autor se tornar nome conhecido no cinema. A peça dirigida por Laís Bodanzky (Bicho de Sete Cabeças, Chega de Saudade e As Melhores Coisas do Mundo) se passa em uma casa sombria e decadente, numa noite de tempestade, o diretor de cinema Guilherme Polônio monta um documentário sobre seu pai, morto há pouco menos de um mês. Cláudio Polônio – o “grande” e controverso ator de teatro – sempre desprezou o filho. Nunca viu seus filmes. Nunca leu seus textos. Agora, Guilherme tem a chance de “reescrever” sua relação com o pai, manipulando as imagens de seu filme. A tarefa não é fácil. Falta a imagem de um dos poucos momentos do pai que Guilherme não conseguiu registrar: o instante da morte, quando Cláudio pronunciou suas derradeiras palavras. Do andar de cima da casa, soa um infernal piano mal tocado. E quando o som do piano cessa, uma mulher desce pelas escadas apenas para atormentar Guilherme, destilando crueldade e ressentimento. Em um ato impulsivo, Guilherme pensa resolver os dois problemas com um só tiro. Porém, a solução gera complicações terríveis, com trágicas consequências, acompanhadas por algumas gargalhadas. Com: Roney Facchini, Paula Cohen e Gustavo Machado.

serviço

o quê: Menecma (80 min)
quando: até 26 de junho, quinta a domingo, às 20h
onde: Centro Cultural Fiesp- Teatro do Sesi (456 lugares)
endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
entrada: gratuita apenas quinta e sexta-feira. Retirar ingressos a partir das 12h.
telefone: (11) 3146.7405
classificação: 14 anos
informação:www.sesisp.org.br/

31/03/2011 Posted by | teatro | , , , , , , , , , , | 1 Comentário

“Quem tem medo de Curupira?” tem texto de Zeca Baleiro

Primeiro texto teatral do cantor maranhense Zeca Baleiro, o espetáculo “Quem tem medo de Curupira”, em formato de musical popular ao modo das velhas revistas e chanchadas, envolve personagens da fábula brasileira pouco explorados na dramaturgia. Desacreditados e sem causar espanto algum nas pessoas, o Saci, o Caipora, o Boitatá, o Curupira e a Iara resolvem se aventurar numa viagem até a cidade para descobrir porque as pessoas pararam de crer em sua existência. A partir daí, desenrola-se uma trama “rocambolesca”, com direito a aparições de um índio pop e aculturado, um lenhador cético e um pé de jacarandá fugitivo.

serviço

o quê: Quem tem medo de Curupira? (90 min)
quando: até 12 de dezembro, sábados e domingos, às 16h.
onde: Centro Cultural Fiesp – Teatro do Sesi (456 lugares)
endereço: Av. Paulista, 1313 – Metrô Trianon-Masp
entrada: gratuita. Retirar ingresso na bilheteria do teatro, das 11h às 19h30
telefone: 11 3146.7405
classificação: 10 anos
informação:www.fiesp.com.br

05/09/2010 Posted by | infantil | , , , , , , , | 1 Comentário