alta cultura

na faixa

Nada, nenhum e ninguém

O espetáculo “Nada, nenhum e ninguém…” do Coletivo paraibano de circo e teatro – Trupe Arlequin e Grupo GECA foi contemplado com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz. O texto gira em torno do universo do artista mambembe. A peça retrata uma trupe de quatro bufões que há muito tempo perambula pelas estradas, com o desejo de montar o espetáculo “A Vida é Sonho”. O líder Baobá conduz os atores à tentativa frustrada de ver o espetáculo em cena. “Nada, nenhum e ninguém…” utiliza a linguagem circense da commedia dell’arte e dos atores bufos como ferramenta de criação. A partir deste universo burlesco, o diretor Marcos Pinto aproveita a destreza, a musicalidade e a comicidade do elenco, além de usar elementos de dança. Com Ana Valentim, Diocélio Barbosa, Walter Olivério e Márcio de Paula.

serviço

o quê: Nada, nenhum e ninguém…(50 minutos)
quando: 15 de maio, às 20h
onde : Teatro Funarte de Arena Eugênio Kusnet
endereço: Rua Teodoro Baima, 94 – Centro
telefone: (11) 3259.6409
entrada: gratuita – retirar ingressos uma hora antes do espetáculo
classificação: 12 anos
informação: www.funarte.gov.br

Anúncios

15/05/2011 - Posted by | teatro | , , , , , , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: