alta cultura

na faixa

Amilcar de Castro

A exposição do mestre Amilcar de Castro tem caráter histórico com pinturas e esculturas selecionadas diretamente do espólio do artista, o que possibilita compreender a trajetória e a importância deste que é considerado um dos maiores escultores brasileiros de todos os tempos. Esta é uma rara oportunidade de ver reunidas todas as 140 formas de “corte e dobra” (esculturas de 23 cm de altura, em metal, SAC 41), série que celebrizou Amilcar de Castro, a partir dos anos 60, quando o artista abandonou a solda e passou a cortar e dobrar as chapas de ferro. Sobre o aço, costumava dizer: “depois de quente fica macio como manteiga”. Com todos os trabalhos provenientes do Instituto Amilcar de Castro, Nova Lima (MG), a mostra, que traz texto crítico de Thaisa Palhares, reúne ainda 13 grandes telas e mais sete esculturas de aço corten inéditas ao público paulista.

serviço

o quê: Amilcar de Castro
quando: até 9 de junho, de segunda a sexta, das 10h30 às 19h. Sábados das 11h às 15h.
onde: Galeria Marilia Razuk
endereço: R. Jerônimo da Veiga, 131 – Jardim Paulista
telefone: (11) 3079.0853
entrada: gratuita
classificação: livre
informações: http://www.galeriamariliarazuk.com.br

Anúncios

30/04/2012 - Posted by | exposição | , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: